Cogumelo mutante envenena índios no México

Um menino de sete anos e o pai morreram nesta sexta-feira, elevando a 10 o número de membros de uma mesma família indígena mortos após comer cogumelos venenosos no Estado de Chiapas. Cogumelos silvestres crescem durante a estação chuvosa nas florestas e selvas de Chiapas, e estão na base da alimentação da maioria das famílias indígenas, mas mutações genéticas recentes transformaram alguns dos tipos de cogumelo consumidos tradicionalmente pelos índios em formas venenosas, informam autoridades.Todos os 10 índios mortos são da comunidade de Tenejapa, e comeram sopa feita com cogumelos silvestres recolhidos nas montanhas de Chiapas. As oito mortes anteriores ocorreram ao longo da semana. As autoridades vêm inspecionando as feiras e confiscando os cogumelos. Autoridades sanitárias dizem que o tipo de veneno contido nos cogumelos ingeridos pela família tem efeito imediato e grave sobre o fígado, o que dificulta a ação dos médicos.

Agencia Estado,

04 de agosto de 2006 | 17h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.