Colheita de café na área da Cooxupé avança para 76,6% do total

A colheita de café na área de atuação da Cooxupé, maior cooperativa de café do Brasil, avançou para 76,6 por cento da produção esperada, segundo relatório divulgado pela entidade nesta terça-feira.

Reuters

21 de agosto de 2012 | 10h03

Em cerca de uma semana, o avanço na colheita foi de quase oito pontos percentuais, mas os trabalhos continuam atrasados na comparação com o mesmo período de 2011, quando os produtores ligados à Cooxupé tinham colhido mais de 85 por cento da safra.

A produção cafeeira na região, uma das principais produtoras de café do país, sofreu atrasos por causa das chuvas atípicas no começo do inverno, que prejudicaram também a qualidade. Mas agora a situação está mais favorável, com previsão de tempo bom até 30 de agosto, segundo a Cooxupé.

"Todos continuam empenhando todos os esforços para finalizar a colheita e avaliar a qualidade do café produzido...", afirmou o superintendente de Desenvolvimento do Cooperado da Cooxupé, José Eduardo Santos Júnior, em nota.

Um executivo da Cooxupé afirmou à Reuters no início do mês que a cooperativa estava reduzindo a velocidade das vendas com o objetivo de averiguar a qualidade do café produzido.

A cooperativa reúne 12 mil produtores de café, a grande maioria deles pequenos e médios, atuando em sua maioria no sul de Minas Gerais.

A entidade previu anteriormente que a safra de seus cooperados atingirá cerca de 5 milhões de sacas em 2012/13, ou aproximadamente 10 por cento da produção nacional, considerando a estimativa do Ministério da Agricultura.

A colheita da safra 2012/13 de café no Brasil, maior produtor e exportador global, havia sido realizada em 80 por cento das áreas até o dia 9 de agosto, segundo a consultoria Safras & Mercado em relatório da semana passada.

(Por Roberto Samora)

Mais conteúdo sobre:
COMMODSCAFECOOXUPE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.