Colômbia captura irmão gêmeo de traficante assassinado

Miguel Angel Mejía controlava poderoso cartel de drogas com centenas de integrantes.

Da BBC Brasil, BBC

02 de maio de 2008 | 16h00

A polícia colombiana disse ter capturado nesta sexta-feira um dos mais importantes traficantes de drogas do país, poucos dias depois de ter matado seu irmão gêmeo.Miguel Angel Mejía - que foi preso perto de Bogotá nesta sexta - e seu irmão, Victor Manuel, eram comandantes de milícias de extrema-direita na Colômbia. Eles eram conhecidos no mundo do crime como "os gêmeos".Eles também administravam um poderoso cartel de drogas com centenas de integrantes na Europa, no México e nos Estados Unidos. Os gêmeos são acusados de serem responsáveis pelo tráfico de toneladas de cocaína para esses países.As autoridades americanas haviam oferecido uma recompensa de US$ 5 milhões por cada um dos líderes.GolpeO correspondente da BBC na Colômbia, Jeremy McDermott, diz que a prisão e a morte dos irmãos Mejía são um duro golpe no crime organizado e no tráfico de drogas, dois negócios multibilionários no país.No ano passado, três dos líderes do poderoso cartel Norte Del Valle também foram capturados. Muitos barões da droga da Colômbia estão deixando o país e gerenciando suas operações a partir do exterior.Ainda assim, houve pouca redução na quantidade exportada de cocaína. Autoridades americanas dizem que até 1 mil toneladas da droga são exportadas por ano.Segundo o correspondente da BBC, para cada líder de cartel capturado existem cinco criminosos preparados para assumir seu lugar.O quilo de cocaína é avaliado em US$ 2 mil na Colômbia. O mesmo peso chega a valer US$ 25 mil nos Estados Unidos, US$ 60 mil no Reino Unido e até US$ 80 mil no Japão.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.