Colômbia denuncia matança de tubarões

A alta conselheira presidencial para a Biodiversidade da Colômbia, Sandra Bessudo, denunciou a matança de cerca de 2 mil tubarões na Ilha de Malpelo, em águas do Pacífico. Eles parecem ter morrido depois que tripulantes de barcos da Costa Rica cortaram suas barbatanas - apreciadas na culinária asiática. Sandra disse ter baseado a denúncia em relatório de mergulhadores russos que estiveram na Ilha de Malpelo - que foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Eles encontraram pelo menos dez barcos de pesca ilegal. / AFRA BALAZINA, COM AGÊNCIAS

O Estado de S.Paulo

16 Outubro 2011 | 03h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.