Com uniforme da NET, dupla assalta casa em Santos

Dois homens caracterizados como funcionários da operadora de telefonia e TV a cabo NET assaltaram hoje uma casa em Santos, na Baixada Santista. O crime aconteceu por volta das 11h30, quando o médico Edison Aléssio, de 75 anos, que aguardava uma visita técnica para o conserto do telefone, abriu a porta para dois homens que estavam com uniformes e crachás da operadora. Armados, os bandidos anunciaram o assalto. O médico reagiu e foi agredido, mas passa bem.

REJANE LIMA, Agencia Estado

26 Agosto 2009 | 18h39

Aléssio e sua esposa, Maria Teresa, de 72 anos, foram mantidos reféns por cerca de 40 minutos, enquanto os bandidos procuravam objetos de valor na casa. Eles roubaram cerca de R$ 2 mil em dinheiro e joias. Os bandidos fugiram e o crime foi registrado no 7º Distrito Policial de Santos. Conhecido na cidade, Aléssio é presidente da Cruz Vermelha de Santos e chefe do Departamento de Pneumologia da Santa Casa.

Mais conteúdo sobre:
assaltoSantosNET

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.