Comitiva brasileira acompanha lançamento no Casaquistão

O governo brasileiro formou uma comitiva de quinze pessoas para acompanhar, no Casaquistão, o primeiro vôo do astronauta brasileiro Marcos Pontes. Além de familiares de Pontes, integram a comitiva o presidente da Agência Espacial Brasileira, Sérgio Gaudenzi, seu chefe de gabinete, um diretor, além de dois técnicos, uma assessora de imprensa e um tradutor.Também foram para o Casaquistão o comandante do CTA, brigadeiro Carlos Augusto Velloso, o representante do Ministério da Defesa, José Américo dos Santos, e o diretor do Instituto de Aeronáutica Espacial, Walter Almodovar Golfetto.Alguns parlamentares também vão acompanhar de perto o lançamento da espaçonave Soyuz TMA-8. O senador Roberto Saturnino Braga, presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado, o presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara, Aroldo Cedraz (PFL/BA), e Francisco Rodrigues (PFL/RR). Devem assistir ao lançamento ainda o Embaixador do Brasil Carlos Augusto Rego e o representante da Fiesp, Fernando Arruda Botellho. Parte da comitiva embarcou na sexta-feira e o restante, na segunda.

Agencia Estado,

29 de março de 2006 | 19h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.