Compositor Billy Blanco será velado na Câmara do Rio

O corpo do compositor Billy Blanco será velado na Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro a partir do meio-dia e, mais tarde, cremado. Ele morreu nesta manhã, aos 87 anos. O artista estava internado no hospital Pan Americano, depois de sofrer um acidente vascular cerebral (AVC).

ROBERTA PENNAFORT, Agência Estado

08 de julho de 2011 | 11h28

Billy era do Conselho Deliberativo da Sociedade Brasileira de Administração e Proteção dos Direitos Intelectuais e vinha atuando bastante nas discussões sobre as possíveis mudanças na Lei dos Direitos Autorais.

Gravado por João Gilberto, Elis Regina, Dick Farney, Lúcio Alves, Dolores Duran, entre muitos outros grandes nomes da MPB, parceiro de Tom Jobim e Baden Powell, o compositor era muito respeitado no meio artístico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.