Conab eleva área de soja, mas reduz produção em 2011/12

A produção de soja na nova safra do Brasil (2011/12) deverá ficar entre 72,18 e 73,29 milhões de toneladas, indicou a Conab nesta quinta-feira, abaixo da safra recorde de 75,3 milhões de toneladas do ciclo anterior, por conta da expectativa de produtividade menor.

FABÍOLA GOMES, REUTERS

06 Outubro 2011 | 13h03

A redução para a estimativa de produção ocorre a despeito da expectativa de área maior para a oleaginosa na temporada 2011/12, que segundo a Companhia Nacional de Abastecimento deve ficar entre 24,65 milhões e 25,03 milhões de hectares.

Segundo a Conab, em seu primeiro levantamento para a nova safra, a projeção menor de produção reflete a média da produtividade dos últimos cincos anos, inferior ao que foi registrado em 2010/11.

"Lembramos que na última safra o comportamento climático foi extremamente favorável à cultura, resultando em produtividades recordes", apontou a Conab em seu levantamento, acrescentando que a exceção foi em Mato Grosso do Sul, onde o excesso de chuvas na fase final do ciclo provocou perda nos rendimentos.

A Conab também prevê um incremento entre 4,2 e 7,2 por cento na área cultivada com a primeira safra de milho. Já a estimativa para a produção total de milho em 2011/12 ficou entre 57,32 milhões e 58,98 milhões de toneladas.

"Há previsão de aumento de área (do milho primeira safra) devido ao estímulo provocado pelos bons preços de mercado que se mantiveram praticamente estáveis em plena colheita da segunda safra", destacou a Conab.

ALGODÃO

A área cultivada com algodão foi prevista pela Conab entre 1,35 milhão e 1,48 milhão de hectares em 2011/12, versus 1,4 milhão de hectares do ciclo anterior.

A Conab estimou a produção do algodão em pluma entre 1,93 milhão e 2,11 milhões de toneladas, podendo exceder a temporada anterior por conta dos investimentos em tecnologia, "que salvo condições climáticas adversas, (podem) garantir ligeiros ganhos de produtividade, ou manter os níveis obtidos na safra anterior".

Em 2010/11, a safra totalizou 1,95 milhão de toneladas, que havia sido puxada por expressivo aumento de área.

SAFRA TOTAL

A nova safra de grãos do Brasil (2011/12) foi estimada entre 157 milhões e 160,58 milhões de toneladas pela Conab, versus as 162,95 milhões de toneladas produzidas em 2010/11.

A área semeada com grãos na nova safra deve ficar entre 50,43 e 51,35 milhões de hectares, contra 49,92 milhões de hectares da última safra.

Mais conteúdo sobre:
COMMODS GRAOS CONAB*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.