Conectar dispositivos é fácil

Rechear o iPod, utilizar um pen drive, descarregar as fotos da câmera fotográfica e do celular... Será que um computador livre, sem Windows, consegue ser compatível com as traquitanas digitais usadas hoje? Sim. Nos testes, o ‘Link’ conectou tudo isso ao PC com Ubuntu e, em (quase) todos os casos, foi muito simples. A maior surpresa ficou com a compatibilidade entre o iPod e o Ubuntu. Mesmo sem o iTunes – programa da Apple necessário para colocar músicas no toca-MP3, sem versão para Linux –, o software livre Rythmbox se saiu muito bem. Muitas vezes melhor do que o próprio iTunes. Para começar, ele não organiza as músicas em uma lista imensa na tela do PC, como o iTunes, mas cria uma lista de álbuns ou artistas. Então basta clicar no nome do artista para ver quais músicas de determinado álbum há em seu iPod. Quer "ripar" um CD? Ele faz isso e, além de baixar da web o nome do artista, álbum e faixa automaticamente, como o iTunes faz, também importa a capinha do disco, o que o iTunes não faz no Brasil (veja ao lado). Acabou de rechear seu iPod? É só clicar na tecla "Ejetar" do programa para liberar seu toca-MP3. Acessar arquivos no pen drive também não teve segredo algum. É só espetá-lo na porta USB que uma tela com os arquivos presentes no dispositivo é aberta. Com o celular, da marca Nokia, foi a mesma coisa: uma janela de administração de arquivos foi aberta para poder transferir as fotos do telefone para o PC ou as músicas do PC para o celular. Já com a câmera digital... Escolhemos um modelo da Canon. No mesmo instante, a câmera foi identificada e o programa F-Spot foi aberto no PC. O software serve para transferir as fotos da câmera para o micro. O problema é que ele se mostrou muito lento para reconhecer as fotos. Depois, quando foram selecionadas quatro fotos para serem transferidas para o computador, o programa travou na terceira. Foi necessário reiniciar o PC. O Picasa, do Google, foi mais lento ainda. A melhor opção para a transferência acabou sendo o F-Spot mesmo. R.M

24 Junho 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.