Confirmado terceiro caso de ´vaca louca´ nos EUA

O Departamento de Agricultura dos EUA anunciou que deu positiva a segunda série de exames relacionados a um caso de Encefalopatia Espongiforme Bovina - EEB, conhecida como "mal da vaca louca" - em um bovino do Estado do Alabama.Esse é o terceiro caso de vacas com EEB detectado nos Estados Unidos, após uma ocorrência no Estado de Washington em dezembro de 2003 e outra no Texas, em junho de 2005."Os Laboratórios Nacionais de Serviços Veterinários em Ames, Iowa, que realizaram o segundo exame de confirmação, receberam resultados positivos" da EEB, disse o Departamento de Agricultura em comunicado.A nota acrescenta que o Serviço de Inspeção de Saúde de Plantas e Animais está realizando uma pesquisa epidemiológica para determinar a raça, a idade, a origem do animal e seu local de nascimento mediante a análise de seus restos mortais.A vaca foi examinada em primeira instância por um veterinário em uma fazenda do Alabama na qual se sacrificou o animal e foram recolhidas amostras para um exame mais detalhado. Os restos foram enterrados no mesmo lugar, segundo o comunicado."Este animal não entrou na cadeia alimentar animal ou humana, de acordo com os protocolos do Departamento de Agricultura", acrescentou a nota.

Agencia Estado,

16 de março de 2006 | 02h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.