Confirmados nomes de vítimas de queda de avião em BH

O avião tinha saído de Pará de Minas e caiu dentro do Parque das Mangabeiras, centro de Belo Horizonte

PAULA PULITI, Agencia Estado

23 Fevereiro 2008 | 18h06

O Corpo de Bombeiros confirmou os nomes dos quatro ocupantes do monomotor que caiu neste sábado na Serra do Curral, em Belo Horizonte. Uma das vítimas é Edvard Júnior, filho do dono da Transmoreira, empresa proprietária da aeronave e sediada em Contagem, na Grande Belo Horizonte. No momento, os corpos estão no IML da capital mineira.   Mais cedo, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) já havia informado que o nome do piloto que consta do plano de vôo é Paulo Sérgio Pagani Vieira Machado. As outras vítimas são Paulo Ribeiro Nunes, de 62 anos, e Leandro Augusto Lemos Naves, de 32. Nunes, que atuava no mercado imobiliário, estaria indo para Juiz de Fora em companhia do auxiliar Leandro Augusto, para avaliar imóveis da cidade.   A Aeronáutica informou que as investigações sobre as causas do acidente já tiveram início, mas o relatório preliminar tem até 90 dias para ser emitido. De acordo com a Anac, estavam em dia tanto a habilitação do piloto quanto o certificado de inspeção anual do monomotor.   O avião tinha saído de Pará de Minas e caiu dentro do Parque das Mangabeiras, localizado na região central de Belo Horizonte. O monomotor de prefixo PTYHK e da série Embraer Corisco II, caiu na área montanhosa da capital mineira, bem perto do centro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.