Conflitos crescem na região mais rica

Entre janeiro e novembro houve diminuição no número de conflitos agrários no País, segundo relatório da Comissão Pastoral da Terra (CPT), divulgado ontem em Goiânia, Estado de Goiás. A exceção foi a região Sudeste, a mais desenvolvida do País, onde houve um aumento de 69% no número de invasões de terras. Também cresceu o número de despejos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.