Conheça a trajetória de Pedro Antonio Marín, o Tirofijo

Ministro da Defesa disse que líder fundador do grupo guerrilheiro morreu em março.

Claudia Jardim, BBC

24 de maio de 2008 | 20h05

Considerado o guerrilheiro mais velho do mundo, camponês de origem, Pedro Antonio Marín, o Tirofijo (tiro certeiro, em tradução literal), também conhecido como Manuel Marulanda Vélez, entrou na luta armada em 1948, aos 19 anos.Na época, foram fundadas as Autodefesas Camponesas, derivadas da violência desatada depois do assassinato do líder do partido Liberal, Jorge Eliécer Gaitán, candidato à Presidência. "As pessoas se armavam com velhas escopetas, revólveres antigos e todos os assessórios de guerra que encontrassem. Os trabalhos do campo eram abandonados devido a violência que já não permitia que as pessoas se dedicarem ao trabalho, porque assim mais facilmente se convertiam em alvo dos bandidos", descreveu Manuel Marulanda em seu diário "Cadernos de Campanha", sobre o início da luta armada na Colômbia. Em 1964, Marulanda funda as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, as Farc, com uma estrutura político-militar, originária dos grupos de auto-defesas. Seu projeto era tomar o poder institucionalmente constituído. Guerra contra as FarcDesde que assumiu o poder, em 2002, o presidente colombiano Álvaro Uribe endureceu a política do Estado de combate à guerrilha com o Plano Colômbia.Financiado pelos Estados Unidos, o projeto oficialmente prevê a erradicação do cultivo de coca e a eliminação dos grupos armados, considerados pelos governos de Washington e Bogotá como organizações terroristas. Desde então, estima-se que mais de 9 mil guerrilheiros tenham desertado e dois integrantes do secretariado das Farc, Raúl Reyes e Ivan Ríos, foram mortos. A morte de Marulanda, considerado por analistas como o ponto de união da cúpula do grupo, poderia ocasionar uma nova disputa interna pelo controle da organização, que supostamente estaria dividida entre os dirigentes moderados como Guillermo Sáenz ou Alfonso Cano, e a "ala radical" que seria liderada por Jorge Suárez Briceño, o Mono Jojoy.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.