Conhece a maria-gondó e o juquiá?

Durante três dias você vai ter a oportunidade de provar sabores brasileiros que nem imagina. Confira a programação do Paladar - Cozinha do Brasil e, se não quiser ficar de fora, reserve já seu lugar

O Estado de S.Paulo

15 Julho 2010 | 02h39

Vai ser uma aventura gastronômica inesquecível. De 30 de julho a 1º de agosto, o Paladar - Cozinha do Brasil traz a São Paulo sabores, técnicas e costumes culinários de todos os cantos do País. Durante três dias, cozinheiros, produtores, gourmets e pesquisadores se reúnem no Grand Hyatt São Paulo para trocar experiências. Serão quase 40 workshops, palestras e degustações (veja a programação à dir.).

Os "novos baianos" Edinho Engel e Paulinho Martins farão uma incursão às caças brasileiras: vai ter paca, cateto e muito mais. O casal de chefs Jefferson e Janaina Rueda trabalha unido em torno do porco: ele faz a linguiça, e ela prepara. Mara Salles, Neide Rigo e Ana Soares se juntam para estudar a galinha em todos os pormenores.

Quer saber como se produz um chocolate fino brasileiro? Assista à palestra de Diego Badaró e Frederick Schilling, proprietários da Amma. Flavio Federico vai fazer sobremesas com as frutas da Mata Atlântica. As cagaitas, jatobás e macaúbas do Cerrado vão virar sorbet nas mãos de Rita Medeiros.

Thiago Castanho já está enchendo as malas de ingredientes amazônicos. O chef do Remanso do Peixe, de Belém do Pará, está encarregado de representar a inesgotável riqueza do Norte brasileiro. Os doces, queijos, cafés e caçarolas mineiros também marcam presença no evento.

Prepare-se para conhecer os segredos da maria-gondó e se aproximar do jiquiri, do esturaque e da alfavaca. No último ano, as formigas da d. Brazi deram o que falar. Qual ingrediente deve fazer sucesso agora?

Vinho, café e cerveja serão tema de degustações e palestras comandadas por especialistas e produtores. Em foco, a excelência do produto nacional, as grandes safras e harmonizações - que tal um cafezinho com queijo de minas?

Além dos encontros ao longo do dia, o evento promove jantares temáticos reunindo um importante time de chefs e especialistas. Alex Atala, do D.O.M., e Rodrigo Oliveira, do Mocotó, trabalham juntos. Thiago Castanho, do Remanso do Peixe (em Belém do Pará), e Shin Koike, do Aizomê, também se unem.

No sábado, as atenções se voltam ao encontro que promete ser dos mais inventivos: Simon Lau / Chandler Burr. O primeiro, pesquisador dos sabores do Cerrado brasileiro e dono do Aquavit, em Brasília. O segundo, Chandler Burr, crítico de perfumes do The New York Times. Fazem um jantar em que a percepção dos aromas vai surpreender. Comida para cheirar e saborear.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.