Consumo de energia da indústria sobe 4,5% em fevereiro

O consumo de energia elétrica no Brasil cresceu 4,1 por cento em fevereiro na comparação com o mesmo mês em 2011, puxado principalmente pelo crescimento de 4,5 por cento nos consumos da indústria e do setor de comércio.

REUTERS

30 Março 2012 | 12h46

Já o setor residencial cresceu 2,8 por cento no período, também sobre um ano antes, segundo divulgou a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) nesta sexta-feira.

O crescimento do consumo industrial foi liderado pela região Centro-Oeste, onde a alta foi de 22,8 por cento, e da região Norte (14,9 por cento), diante da produção de novas indústrias recentemente instaladas, que contribuíram para o aquecimento das atividades do setor de extração mineral nos Estados de Goiás, Mato Grosso e Pará.

A região Nordeste também apresentou forte crescimento do consumo industrial, de 10,5 por cento em fevereiro.

Já na região Sudeste o consumo continua fraco -sendo que a demanda da indústria aumentou 0,7 por cento em fevereiro, do comércio cresceu 0,9 por cento e das residências aumentou 0,4 por cento. Em toda a região Sudeste, só houve elevação do consumo industrial no Estado de São Paulo, onde a taxa foi de 2,6 por cento.

Em fevereiro, o consumo total de energia no Brasil somou 36.974 gigawatts-hora (GWh).

(Por Anna Flávia Rochas)

Mais conteúdo sobre:
ENERGIA EPE FEV*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.