Coreia do Norte pode enfrentar mais do que condenação, dizem EUA

A Coreia do Norte corre o risco de enfrentar condenação internacional ou "pior" se seguir com seus planos de um lançamento espacial que os Estados Unidos suspeitam ocultar um programa de mísseis balísticos, disse o diretor de Inteligência Nacional dos EUA, Dennis Blair, nesta quinta-feira.

REUTERS

26 de março de 2009 | 14h34

Blair também afirmou a repórteres que o líder norte-coreano, Kim Jong-Il, segue com o controle total do país após se recuperar de um suposto derrame no ano passado e seria irreal esperar que qualquer outra pessoa do país assuma o poder.

(Reportagem de Randall Mikkelsen)

Mais conteúdo sobre:
CDONORTECONDENAEUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.