Corinthians: estragar festa e férias

Complicar a vida do Flamengo na luta pelo título deve ser a última tarefa do Corinthians na temporada. O confronto de hoje pode ser o da despedida dos titulares na temporada. Caso o Palmeiras ganhe do Atlético-MG, o duelo com os mineiros, na última rodada, vai ser amistoso de luxo e o técnico Mano Menezes antecipará as férias do grupo para chegar inteiro na reapresentação.

, O Estadao de S.Paulo

29 de novembro de 2009 | 00h00

"Vai depender dos resultados da rodada, mas é possível", não esconde o treinador. Mas porque jogar completo e com seriedade diante dos cariocas, se o resultado vai beneficiar rivais históricos como São Paulo e Palmeiras?

Mano não gosta de ser questionado sobre possível facilitação de resultados em jogos importantes e tenta manter o profissionalismo. "Esse assunto nem deveria ser o fato principal."

Quem mais estará empolgado no confronto será o atacante Ronaldo, poupado do treino de quinta-feira e liberado na sexta para resolver problemas particulares. "Mas ele joga, podem ficar tranquilos", afirma Mano. Ronaldo não gostou de ser chamado de traíra e mercenários pelos flamenguistas e busca sua doce vingança dentro do campo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.