Corpo de d. Eugenio chega à catedral do Rio para velório

Um clima de serenidade marcou, no início da tarde desta terça-feira, a chegada do corpo do cardeal dom Eugenio de Araújo Sales à Catedral de São Sebastião, no centro do Rio de Janeiro, onde foi recebido com uma salva de palmas pelos fiéis. Muitos chegaram em caravanas do interior e de outros Estados.

HELOÍSA ARUTH STURM, Agência Estado

10 de julho de 2012 | 12h55

Na entrada da catedral, o caixão foi abençoado pelo arcebispo da arquidiocese do Rio, d. Orani Tempesta. "Ele partiu serenamente para a casa do Pai", disse o arcebispo. A Companhia de Músicos da Polícia Militar tocou o Hino Nacional e a Marcha Pontifícia, o Hino do Vaticano. Além de autoridades religiosas, estão presentes no velório o prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB), e o governador do Estado, Sérgio Cabral Filho (PMDB).

Dom Eugenio morreu na noite de segunda-feira de enfarte, aos 91 anos, na Residência Assunção, onde morava, na Estrada do Sumaré, zona norte do Rio.

Tudo o que sabemos sobre:
Dom EugeniomorteRiocatedral

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.