Corrção: CPI da Sabesp deve convidar Dilma Pena

A nota enviada anteriormente continha erros no título e no primeiro parágrafo. A CPI da Sabesp vai pedir esclarecimentos a Dilma Pena por ofício, e não convocá-la novamente. Seguem título e nota corrigidos.

STEFÂNIA AKEL, Estadão Conteúdo

12 Novembro 2014 | 12h09

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara Municipal de São Paulo que investiga o contrato entre a prefeitura e a Companhia de Saneamento do Estado de São Paulo (Sabesp) vai pedir à presidente da estatal, Dilma Pena, por ofício, esclarecimentos sobre os contratos de fidelização da Sabesp sob o programa Demanda Firme.

Os vereadores pediram planilhas detalhadas sobre os contratos e informações sobre o que a Sabesp tem feito para reverter o que chamaram de sucateamento das fontes alternativas, que teria sido causado pelo programa, iniciado pela estatal em 2007. A CPI também convidou especialistas em recursos hídricos para discutir a questão.

Mais conteúdo sobre:
CRISE DA ÁGUA CPI SABESP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.