Correção: Traficante é transferido de RO para Bangu 1

A nota enviada anteriormente contém uma incorreção. Alexander Mendes da Silva, mais conhecido como Polegar, foi transferido nesta sexta-feira, 10, à noite, e não nesta quinta-feira, 9. Segue o texto corrigido:

FÁBIO GRELLET, Agência Estado

11 de janeiro de 2014 | 12h40

Alexander Mendes da Silva, mais conhecido como Polegar, considerado um dos maiores traficantes que atuavam no Rio, foi transferido nesta sexta-feira, 10, à noite do Presídio Federal de Porto Velho para a Penitenciária Laércio da Costa Pelegrino, conhecida como Bangu 1, na zona oeste do Rio.

Preso e condenado a 22 anos de prisão, em 2009 Polegar obteve o benefício do regime aberto. Em 14 de setembro de 2009, deixou a Casa do Albergado Crispim Ventino e não voltou mais, tornando-se foragido. Em outubro de 2011, ele foi localizado e preso em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, enquanto comprava um carro de luxo. Desde então, Polegar cumpria pena no Presídio Federal de Rondônia. Nesta quinta-feira, 9, o governo do Rio anunciou que é contrário ao retorno do traficante para um presídio do Estado. No entanto, não houve como impedir a transferência, autorizada pela Justiça.

Mais conteúdo sobre:
TraficantePolegar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.