Costa Cruzeiros esclarece morte de 2 turistas em navio

Dois turistas - um alemão e um francês - morreram durante um cruzeiro marítimo do navio Costa Fascinosa, que pertence à frota da empresa Costa Cruzeiros. A embarcação saiu de Gênova, na Itália, em 24 de novembro, e chegou nesta quinta-feira em Santos. O trajeto inclui escalas na França, Espanha e Portugal antes de vir para o Brasil, onde passou por Recife, Maceió, Salvador, Ilhéus e Rio de Janeiro.

FÁBIO GRELLET, Agência Estado

13 Dezembro 2012 | 20h21

Segundo a Costa Cruzeiros, o francês, que não teve nome ou idade divulgados, sofreu um enfarte logo que o navio zarpou de Tenerife, nas Ilhas Canárias. Por conta do episódio, o navio desviou da rota para desembarcar o corpo em Cabo Verde, na costa africana. O alemão, de 63 anos, morreu devido a um edema pulmonar. Seu corpo foi desembarcado em Recife.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) fez uma vistoria no navio durante sua passagem pelo Rio de Janeiro e liberou a embarcação. A Costa Cruzeiros nega que tenha havido surto de gripe ou qualquer outra irregularidade.

Mais conteúdo sobre:
morte turistas cruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.