Crianças foram forçadas a ficar nuas em escola

Uma professora e uma monitora escolar são acusadas de obrigar crianças de 9 e 10 anos a tirarem as roupas em salas de aula da Escola Municipal Nossa Senhora Aparecida, em São Gonçalo do Sapucaí (MG). Segundo os alunos, as profissionais, que trabalham na Escola Municipal Nossa Senhora Aparecida, procuravam por pouco mais de R$ 30.

MARCELO PORTELA , BELO HORIZONTE, O Estado de S.Paulo

28 Março 2012 | 03h02

A Polícia Civil espera ouvir nesta semana os depoimentos das acusadas. Desde a terça-feira da semana passada, quando ocorreu o caso, foram ouvidos pais de parte dos alunos e a diretora da escola. A Secretaria Municipal de Educação já as afastou.

As crianças estavam em aula quando a monitora foi ao banheiro. Na volta, teria percebido a bolsa aberta e o desaparecimento do dinheiro. Segundo o delegado, ela separou meninos e meninas em duas salas e os obrigou a tirar toda a roupa, na presença da professora. O dinheiro não foi encontrado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.