DEBATE: O Enem se tornou vestibular nacional?

SIM

O Estado de S. Paulo

11 de novembro de 2012 | 02h05

 

* Por Clélia Craveiro, do Conselho Nacional de Educação

 

"O Enem se firmou para ter essa importância. Além do caráter de selecionador, é importante que seja visto como elo entre educação básica e superior. Pois, ao se definir competências e habilidades, define-se que tipo de ensino médio deve existir. Logo, é preciso que o Estado use de forma pedagógica os resultados e foque nas carências."

 

NÃO

 

* Por Vinícius Oliveira, coordenador do vestibular do Insper

 

"Mais importante que uma prova unificada é um currículo e uma proposta pedagógica que norteiem o ensino básico. Isso só é possível se ela não for amparada em conteúdos que se pretendem autônomos e completos, mas em competências e habilidades que independem das especificidades regionais e da condição socioeconômica do estudante."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.