Defesa de Oscar Maroni faz pedido de habeas-corpus

O advogado do empresário Oscar Maroni, José Thales Solon de Mello, afirmou ter entrado hoje com um pedido de liberdade para seu cliente no Tribunal de Justiça de São Paulo. Maroni, dono da boate Bahamas, foi preso na terça-feira, depois de uma audiência no Fórum da Barra Funda, Zona Oeste da capital. Aos 57 anos, o empresário é acusado pelos crimes de formação de quadrilha, exploração de prostituição e tráfico interno de pessoas. Ele está preso no 40º Distrito Policial, na Vila Santa Maria.

PRISCILA TRINDADE, Agencia Estado

03 Julho 2009 | 19h37

Mais conteúdo sobre:
prisão Oscar Maroni

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.