Delegados entregam inquérito da Kiss à Justiça

Os delegados Marcelo Arigony e Sandro Meinerz entregaram o inquérito que investigou a tragédia da boate Kiss à 1ª Vara Criminal, no Fórum de Santa Maria, no início da tarde desta sexta-feira. A peça tem cerca de dez mil páginas e aponta as causas e nomes dos responsáveis pelo incêndio que matou 241 pessoas, a maioria jovens estudantes que participavam de uma festa na cidade gaúcha.

ELDER OGLIARI, Agência Estado

22 de março de 2013 | 15h26

Acompanhados de outros delegados que participaram da investigação e da cúpula da Segurança Pública do Rio Grande do Sul, os policiais vão expor suas conclusões à imprensa em um auditório da Universidade Federal de Santa Maria durante a tarde desta sexta.

Tudo o que sabemos sobre:
SANTA MARIAINQUÉRITOCONCLUSÃO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.