Democratas decidem sobre Flórida e Michigan

Estados foram punidos por antecipar primárias, contrariando partido.

Da BBC Brasil, BBC

31 de maio de 2008 | 08h12

O partido Democrata americano está reunido nesta sábado para decidir o que fazer com os votos dos Estados da Flórida e Michigan.Os dois Estados foram desclassificados por terem antecipado suas primárias para janeiro, contrariando regras do partido.A senadora Hillary Clinton espera que o partido reverta sua decisão nos dois Estados, onde ela conta com forte apoio, e permita que os delegados da Flórida e do Michigan votem na convenção nacional, em agosto.Oficialmente, ela venceu nas primárias de janeiro, mas nem ela nem Obama fizeram campanha nos dois locais e o nome do senador nem mesmo constava da cédula eleitoral.DelegadosClinton está atrás do rival Barack Obama na reta final da corrida democrata pela indicação.Obama tem uma liderança de 202 delegados sobre Clinton, com 1984 contra 1782, segundo projeções da agência Associated Press.A decisão será tomada por um comitê do partido formado por 30 membros.Caso a desclassificação dos dois Estados seja revertida, Clinton terá apenas mais 43 delegados. Mas ela poderia terminar a temporada de primárias alegando ter ganhado a maioria dos votos populares.Os partidários dela prometeram comparecer em peso ao encontro.Mas, segundo o correspondente da BBC James Coomarasamy, o comitê deverá optar por um meio-termo - como permitir a participação de metade dos delegados - o que faria pouca diferença para a situação atual.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.