Descobertas células-tronco semelhantes às humanas

Extraídas de embriões de ratos após a implantação no útero, as novas céulas poderão ajudar a desvendar o funcionamento das células-tronco humanas

Agencia Estado

27 de junho de 2007 | 16h14

Cientistas das universidades britânicas de Cambridge e Oxford descobriram um novo tipo de células-troncoembrionária em ratos que é muito semelhante às humanas, oque poderia mudar consideravelmente a atual concepção sobre estasunidades microscópicas.Graças a esta descoberta, divulgada no site da revista científicabritânica Nature, será possível - segundo os responsáveis -avançar na pesquisa médica, já que permitirá a adoção de um modelo para experiências que acelerarão as pesquisas com células-tronco humanas, segundo nota da Nature.As células-tronco embrionárias do epiblasto - o tecido de onde as novas culturas foram extraídas - são o "elo perdido entre ascélulas-tronco embrionárias dos ratos e dos humanos", afirma oprofessor Roger Pedersen, da Universidade de Cambridge, em nota àimprensa.Essas células foram extraídas de embriões de ratos após a implantação no útero, o que não era considerado possível. Diferentes das células embrionárias de ratos pré-implantação, as células novas compartilham diversas características com as células-tronco embrionárias humanas. Elas crescem como as humanas, têm padrões similares de expressão genética e marcadores químicos, e podem gerar diversos tipos diferentes de células. "Em nível molecular, estas células-tronco embrionárias se parecemmais com as (células) humanas do que com as dos ratos. As diferençasentre uma e outra, que até agora tinha sido atribuída àdiferenciação entre as espécies, podem ser realmente devido aosdiferentes estados de desenvolvimento dos quais provêm", dizPedersen.

Tudo o que sabemos sobre:
células-tronco embrionáriasnature

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.