Desfecho levou 25 anos

Os pacientes Miguel da Silva, Alex de Lima, Irani Gobo e José Faria Carneiro morreram entre setembro e dezembro de 1986 no Hospital Santa Isabel das Clínicas, em Taubaté. Na época, o médico Roosevelt de Sá Kalume, então diretor do hospital, denunciou que os urologistas Pedro Henrique Masjuan Torrecillas e Rui Noronha Sacramento e o neurocirurgião e legista Mariano Fiore Júnior haviam retirado os rins desses pacientes quando eles ainda estavam vivos.

O Estado de S.Paulo

21 de outubro de 2011 | 03h00

Em 2004, o Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que os acusados fossem levados a júri popular, o que ocorreu nesta semana. Os médicos também eram investigados pelo crime de tráfico de órgãos, mas o prazo prescreveu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.