Detento é morto por presos em penitenciária de Natal-RN

Um detento do presídio de Alcaçuz, na região metropolitana de Natal, Rio Grande do Norte, foi morto e decapitado nesta quarta-feira, 20, após o banho de sol dos presos. O corpo de José Teodósio da Silva, 35 anos, o Caicó, foi encontrado pelos carcereiros após eles ordenarem que os detentos retornassem às suas celas. O detento João Maria Segundo do Nascimento, de 43 anos, conhecido como Gordo, assumiu a autoria do crime e foi autuado em flagrante. Ele justificou o assassinato alegando que teria sido ameaçado de morte por Caicó. O preso também relatou que aproveitou a distração da vítima enquanto ele fazia exercícios para aplicar a primeira facada. O crime será investigado pela Polícia Civil porque há a suspeita que Gordo esteja sendo coagido a assumir o crime, prática comum em presídios. O acusado cumpre pena de 22 anos por homicídio e roubo. Ele já teria cometido outro assassinato dentro do presídio, em junho passado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.