Dez presos fogem da cadeia de Salto-SP

Dez presos serraram as grades de uma cela e fugiram na manhã de hoje da cadeia pública de Salto, a 98 quilômetros de São Paulo. O prédio, com capacidade para 48 detentos, abrigava 51. Os prisioneiros usaram uma serra para romper as grades. O mesmo instrumento foi usado para abrir um buraco no alambrado que recobre o pátio. Os fugitivos usaram uma corda feita de lençóis para escalar o muro.

JOSÉ MARIA TOMAZELA, Agência Estado

11 de maio de 2010 | 14h28

Um morador vizinho viu os presos pulando do muro para a rua e deu o alarme. Entre os detentos que escaparam havia acusados de homicídio, roubo e tráfico de drogas. Policiais militares, civis e guardas municipais bloquearam as entradas da cidade e montaram um cerco na tentativa de capturar os fugitivos. As buscas continuavam no início desta tarde.

Tudo o que sabemos sobre:
sistema carceráriocadeiafugasSaltoSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.