Dilma diz que defende crescimento de 'todos os setores' sociais e econômicos

Dilma diz que defende crescimento de 'todos os setores' sociais e econômicos

Em evento em Florianópolis (SC), a petista defendeu que se olhe com atenção aos mais "fracos e desprotegidos" e criticou a administração tucana na Presidência da República

REUTERS

17 de outubro de 2014 | 12h29

A presidente Dilma Rousseff, que concorre à reeleição pelo PT, afirmou nesta sexta-feira que a sua campanha defende o crescimento de todos os setores sociais e econômicos e destacou ter orgulho de fazer parte de um projeto que tirou 36 milhões de pessoas da miséria.

Em evento em Florianópolis (SC), a petista defendeu, no entanto, que se olhe com atenção aos mais "fracos e desprotegidos" e criticou a administração tucana na Presidência da República. Segundo Dilma, o eleitor tem dois projetos a escolher.

"Diante da urna vamos cotejar quem deu o que para o Brasil... não só pelos defeitos ou pelas coisas incorretas feitas no passado, como juros altos, inflação alta, desemprego alto, salário arrochado", disse Dilma, que disputa o segundo turno com o candidato do PSDB, Aécio Neves.

"É também pelo fato de que nós construímos um outro Brasil. Esse outro Brasil, ele ainda tem muito a percorrer, tem imenso espaço a desenvolver", afirmou.

(texto de Maria Pia Palermo)

Mais conteúdo sobre:
ELEICOES2014DILMASC*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.