Dilma: pobreza crônica é crise mais permanente que assola país

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quinta-feira que a pobreza crônica é "a crise mais permanente" que assola o Brasil.

REUTERS

02 Junho 2011 | 13h03

"Não podemos nos esquecer da crise mais permanente, mais desafiadora e mais angustiante, que é termos a pobreza crônica neste país", disse a presidente durante lançamento do programa Brasil sem Miséria.

(Reportagem de Jeferson Peres e Hugo Bachega; texto de Eduardo Simões; edição de Roberto Samora)

Mais conteúdo sobre:
POLITICA DILMA MISERIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.