Dinheiro do BB será usado no metrô

De acordo com o prefeito Gilberto Kassab (DEM), serão utilizados no metrô os R$ 726 milhões ganhos com a substituição do banco responsável pela gestão do pagamento dos funcionários e fornecedores da Prefeitura. Com duração de cinco anos, o contrato, assinado na semana passada, trocou Itaú e Bradesco pelo Banco do Brasil. "Só faltam achar que foi um negócio ruim para a cidade", disse ontem o prefeito. A movimentação bancária da Prefeitura - R$ 1,75 bilhão por mês - muda de banco em janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.