Dirceu é condenado a 10 anos e 10 meses de prisão no mensalão

O ex-ministro-chefe da Casa Civil José Dirceu foi condenado nesta segunda-feira a 10 anos e 10 meses de prisão pelos crimes de formação de quadrilha e corrupção ativa no julgamento do mensalão no Supremo Tribunal Federal.

Reuters

12 de novembro de 2012 | 15h55

Dirceu é apontado pelo Ministério Público Federal como "chefe da quadrilha" responsável pelo esquema de compra de apoio político durante o primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

(Reportagem de Ana Flor e Hugo Bachega)

Tudo o que sabemos sobre:
POLITICAMENSALAODIRCEUPENALEGAL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.