Dois homens morrem em explosão de mina ao sair do Egito para Líbia

Dois homens foram mortos neste domingo e outras 29 pessoas ficaram feridas após a sua caravana, que estava atravessado ilegalmente o Egito em direção a Líbia, entrou em um campo minado, disse um fonte médica.

REUTERS

13 Maio 2012 | 09h13

Mahmoud Zahran, o ministro da Saúde Health oficial da cidade de Marsa Matrouh, no nordeste do Egito, disse que um egípcio e um sudanês morreram quando seu veículo, que estava viajando em uma caravana com dois outros carros, atingiram minas dentro da Líbia.

Oficiais da saúde e a agência de notícias estatal do Egito disseram que todos os feridos são egípcios, com a exceção de dois sudaneses. Relatos mais cedo diziam que os dois mortos eram ambos egípcios.

Egípcios tem tradicionalmente procurado trabalho na Líbia, mas o conflito que culminou na morte de Muammar Gaddafi no último ano forçou muitos a saírem do país.

A recuperação da produção de petróleo da Líbia para perto de níveis pré-guerra, no entanto, está atraindo de volta muitos egípcios, em um momento em que a economia do país tem sido martelada pela revolta que derrubou Hosni Mubarak.

(Reportagem de Edmund Blair)

Mais conteúdo sobre:
EGITOLIBIAMINA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.