Dois norte-americanos vencem Nobel de Economia

Os economistas norte-americanos Thomas Sargent e Christopher Sims venceram o Prêmio Nobel de Economia de 2011 por seu trabalho sobre a relação entre políticas de governo e como elas podem afetar a economia.

REUTERS

10 de outubro de 2011 | 08h40

A Academia Real das Ciências da Suécia, que criou o prêmio, anunciou nesta segunda-feira que 10 milhões de coroas suecas (1,5 milhões de dólares) seriam entregues em reconhecimento à "pesquisa empírica sobre a causa e o efeito na macroeconomia" realizada pelos dois economistas.

O prêmio de Economia, oficialmente denominado o Prêmio Sveriges Riksbank de Ciências Econômicas em Memória de Alfred Nobel, foi estabelecido em 1968. Não integrava o grupo original de prêmios definido no testamento de Alfred Nobel, o magnata da dinamite, em 1895.

(Reportagem de Patrick Lannin e Mia Shanley)

Mais conteúdo sobre:
NOBELECONOMIAPREMIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.