Droga modificou comportamento e alavancou estudos

Considerada uma das cinco drogas mais importantes da indústria farmacêutica, ao lado da penicilina e da pílula anticoncepcional, o Viagra mudou comportamentos, devolveu a vida sexual a casais e alavancou boa parte das pesquisas de medicamentos na década de 90.

, O Estado de S.Paulo

29 de abril de 2010 | 00h00

Ao longo dos anos, a droga também passou a ser usada por pessoas que não sofriam de disfunção estéril, mas desejavam melhorar o desempenho sexual - o que não é recomendado pelos médicos. "Realmente com o comprimido fica tudo mais fácil, melhora bastante. Tenho vários amigos que também usam", conta o universitário Leonardo Massaki, de 23 anos. Para ele, o barateamento da medicação vai incentivar o uso. "Vai ter muita gente usando como festa, como eu fiz." / MARIANA MANDELLI

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.