Dubai terá de pagar US$ 10 bi com juros

O ministro de Relações Exteriores dos Emirados Árabes Unidos (EAU), Abdullah bin Zayed al-Nahyan, disse ontem que Dubai, um dos Emirados, terá de pagar com juros os US$ 10 bilhões emprestados por outro Emirado, Abu Dabi, para socorrer o endividado Grupo Dubai World. Segundo o ministro, a ajuda financeira "não chegou tarde demais". Ele informou que Dubai terá um prazo definido para devolver o dinheiro, mas não informou qual.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.