É traição usar MSN e Skype?

É possível acessar o MSN, usar o Skype e gerenciar seus e-mails sem "trair" sua decisão de usar apenas softwares livres? A resposta é quase. No caso do MSN, não há uma versão do programa (da Microsoft) para Linux e, sim, genéricos compatíveis. Já o Skype tem uma versão para ser usada com sistemas operacionais livres, mas, embora gratuita, ela não foi desenvolvida por programadores independentes. Começando pelo mensageiro. O Ubuntu já vem com o Pidgin. O visual não é dos mais bonitos, mas permite integrar amigos do MSN, Google Talk, Yahoo! e Messenger. O problema ocorre quando se recebe uma nova mensagem. Se a janela estiver minimizada, não piscará, como no MSN. O Emesene, apesar do nome infeliz, é outro software de conversa online e, ele sim, chama sua atenção quando algum amigo escreve para você. Só que o programa só é compatível com o MSN. Para instalá-lo, busque no diretório do Ubuntu. Quem usa o Skype para fazer ligações via internet, pode obter uma versão oficial para Linux no site www.skype.com/intl/pt/download/skype/linux. Ao baixar, selecione a opção para o Ubuntu. Quem está acostumado a baixar e gerenciar e-mails no PC, pode usar o Thunderbird, também da Fundação Mozilla. É parecido com o Outlook: permite escrever e receber mensagens, organizá-las em pastas, fazer agenda de contatos, etc. O problema fica por conta de serviços de e-mail com protocolo IMAP (o Hotmail, da Microsoft, só usa esse). É preciso apelar para uma gambiarra para baixar mensagens. Veja em http://br.mozdev.org/thunderbird/hotmail. Mas de que adianta tudo isso se não houver conexão com a rede? O Ubuntu se comportou bem no quesito conectividade. Assim que carregou, reconheceu automaticamente o sinal de banda larga. Para as conexões discadas foi preciso outra gambiarra, pois a maioria dos discadores não é feita para Linux. O discador do Ubuntu se chama Gnome PPP e deve ser instalado clicando em Sistema / Administração / Gerenciador de Pacotes Synaptic. Quando a lista de arquivos abrir, digite "gnome-ppp" na busca e instale. O discador ficará disponível em Aplicações / Internet / Gnome PPP. É só colocar o número de telefone, usuário e senha. E navegar. L.P. e R.M.

24 Junho 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.