Egito evacua embaixada na capital da Líbia após sequestro de diplomatas

O governo do Egito evacuou sua embaixada na capital líbia Trípoli e do consulado em Benghazi.

Reuters

25 de janeiro de 2014 | 18h13

Os esvaziamentos ocorreram como medida de precaução após cinco de seus funcionários diplomáticos serem sequestrados, disse um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores ao canal de notícias Al-Arabiya, neste sábado.

(Reportagem de Ahmed Tolba e Ulf Laessing)

Mais conteúdo sobre:
EGITOEMBAIADASEQUESTRO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.