Ele é louco por um soco

"Meu sonho é levar um soco no nariz", diz sem rodeios o holandês Ilja Gort, produtor dos vinhos La Tulipe e dono do Château La Garde, em Bordeaux. Explica-se: seu nariz está avaliado em 5 milhões, valor fixado pelo Lloyd"s no ano passado, quando o produtor resolveu proteger seu patrimônio. "É especialmente importante ter um nariz como o meu quando se faz o assemblage e também para identificar contaminações. Deus nos livre delas." Ele conta que chegou gabaritado à seguradora, exibindo a avaliação médica, assinada por um grande otorrino holandês. "Numa escala quantitativa de detecção de aromas que vai de 0 a 100, obtive 94. A média da população é de 63", gaba-se. O teste que culminou no resultado consistia em cheirar uma dezena de potes, identificar odores e adivinhar proporções nas amostras. "O contrato é engraçado: não posso esquiar, jogar rúgbi, fumar e nem engravidar - essa é fácil, o Lloyd"s pode ficar tranquilo", diz. Gort produz tintos, brancos e rosés: em 2003, foi eleito o melhor de Bordeaux no International Wine Challenge, em Londres.

Olivia Fraga, O Estado de S.Paulo

29 Julho 2010 | 02h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.