Em Londres, Dilma conciliará 'agenda olímpica' e compromissos oficiais

Agenda da presidente prevê desde encontro com premiê até participação em cerimônia de abertura da Olimpíada.

Eric Brücher Camara, BBC

25 de julho de 2012 | 07h27

A presidente Dilma Rousseff desembarcou em Londres nesta quarta-feira para uma visita de quatro dias à capital britânica, onde deve participar da cerimônia de abertura da Olimpíada e de encontros com o primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, e com a rainha Elizabeth 2ª, entre outros compromissos oficiais.

A agenda de Dilma começa com um encontro a portas fechadas com Cameron, no qual devem discutir a cooperação entre os dois países nas áreas de ciência e tecnologia, energia e educação, além de comércio e investimentos bilaterais.

A presidente também vai se reunir com o líder da oposição no país, o trabalhista Ed Milliband, mas só na sexta-feira.

Ainda no dia da chegada, Dilma participa do evento de lançamento da nova campanha internacional da Embratur.

'Ciência sem fronteiras'

Na quinta-feira, Dilma inaugura uma exposição sobre ciência e tecnologia aplicadas aos esportes na nova sede da Embaixada brasileira em Londres.

Em seguida, a presidente vai até o Museu da Ciência londrino, onde deve assinar com autoridades britânicas um acordo para dar início a um projeto de um museu de ciência no Brasil.

No local, Dilma aproveitará para promover o programa "Ciência sem Fronteiras", lançado pelo governo federal em 2010. Ela também se encontrará com alguns dos estudantes beneficiados pelo projeto, que visa conceder mais de 10 mil bolsas a universitários brasileiros em instituições britânicas até 2014.

Após passagem pelo Museu da Ciência, a presidente inaugura a Casa Brasil, uma 'vila brasileira' erguida em Somerset House, na região central de Londres - próximo a Covent Garden, popular ponto turístico da cidade - para promover o turismo no Brasil e os Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro.

Na próxima sexta-feira, Dilma deve almoçar com atletas brasileiros no centro de treinamento de Crystal Palace, antes de partir para a recepção organizada a chefes de governo e Estado no Palácio de Buckingham, cuja anfitriã será a rainha Elizabeth 2ª.

A programação oficial será concluída com o comparecimento na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres, no estádio olímpico.

No sábado, a presidente não tem compromissos oficiais marcados e deve embarcar de volta ao Brasil no início da noite.

Na comitiva presidencial, também estarão os ministros Helena Chagas (Comunicação Social), Aldo Rebelo (Esportes), Antonio Patriota (Relações Exteriores), Gastão Vieira (Turismo), Aloizio Mercadante (Educação) e Marco Antonio Raupp (Ciência, Tecnologia e Inovação). BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.