Em Minas Gerais, aprovação passou dos 99% em 2011

Em 2011, a aprovação nos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º) na rede estadual de Minas Gerais passou dos 99%. O número é resultado de um programa de intervenção pedagógica, implementado em 2007, que prevê avaliação de frequência, grupos de reforço para os estudantes com dificuldade e formação docente contínua.

O Estado de S.Paulo

08 de agosto de 2012 | 03h02

O projeto resulta de um mapeamento da rede que mostrou que os estudantes aprovados com déficit de aprendizagem conseguiram aprender mais no ano seguinte que os reprovados.

Para repetir o "índice 0" de reprovação também nos anos finais do ensino fundamental e no ensino médio, o mesmo projeto de monitoramento e avaliações sistêmicas começa a ser adotado agora, no segundo semestre de 2012.

"Se reprovação fosse qualidade, o Brasil seria o melhor do mundo", resume Raquel Elizabete Santos, subsecretária da Educação Básica do Estado. / O.B.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.