Emerson vai à Justiça para tentar receber salários

O volante Emerson resolveu recorrer à Justiça contra o Santos, cobrando os salários dos três meses em que permaneceu no clube em 2009. Ele foi contratado em julho, a pedido de Vanderlei Luxemburgo, totalmente fora de forma. Em outubro, ao descobrir uma fratura do estresse na tíbia esquerda, propôs acordo com o Santos para rescindir o contrato que terminaria em 31 de dezembro. Afirmou que não achava justo continuar sendo pago enquanto se recuperava.

, O Estadao de S.Paulo

26 de janeiro de 2010 | 00h00

A então diretoria prometeu não só pagar seus salários atrasados como também recontratá-lo em janeiro, caso se recuperasse. "Esse foi o único caminho, já que a diretoria do Santos não honrou com os compromissos e ainda não recebi pelos meses que trabalhei'', justificou Emerson.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.