Empresa aérea do Nepal sacrifica bodes para ''consertar'' avião

Companhia disse que procurou agradar deus hindu após sofrer problemas técnicos.

BBC Brasil, BBC

05 de setembro de 2007 | 08h09

A companhia aérea estatal do Nepal confirmou ter adotado uma técnica bastante inovadora para lidar com uma recente onda de problemas técnicos em suas aeronaves: a solução foi sacrificar dois bodes para agradar um deus hindu.A Nepal Airlines tem dois aviões Boeing 757, um dos quais vinha apresentando algum problema recentemente. A exata natureza do problema não foi revelada, mas ele havia provocado uma série de atrasos de vôos e uma certa dose de nervosismo entre os passageiros.Desesperados, os funcionários da companhia decidiram que o deus hindu da proteção dos céus, Akash Bhairab, cujo símbolo é visto em seus aviões, precisava de um agrado.Dois bodes sem sorte foram então encaminhados para a frente do avião e sacrificados, em plena pista do aeroporto de Katmandu.Um representante da empresa disse que após o ritual o avião conseguiu completar com sucesso uma viagem a Hong Kong.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.