Empresário é morto por funcionário de padaria em SP

Dácio Júnior era filho de Dácio Múcio de Souza, diretor-presidente do Grupo Europa

Fabiana Marchezi, da Agência Estado,

27 Dezembro 2009 | 20h02

O empresário Dácio Múcio de Souza Júnior, de 29 anos, morreu na porta de uma padaria na madrugada deste domingo, 27, após ser esfaqueado durante uma briga com o segurança do estabelecimento, que fica na Rua Conselheiro Brotero, em Higienópolis, centro de São Paulo. Dácio Júnior era filho de Dácio Múcio de Souza, diretor-presidente do Grupo Europa, fabricante dos purificadores de água e filtros de entrada Europa. O caso será investigado pelo 77º Distrito Policial.

 

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, testemunhas contaram que a vítima teria comparecido ao local com sua irmã, que teria discutido com segurança da padaria na semana passada. O empresário procurou a gerência da padaria, pois queria saber as providências tomadas em relação ao fato e, logo em seguida, começou a discutir com o homem.

 

Ao saber por uma funcionária da padaria que o segurança estava com uma faca, a irmã da vítima, uma estudante de 20 anos, se preparava para ir embora, mas quando perguntou ao funcionário onde estava seu irmão, ele apontou para o empresário, que já estava caído sangrando. Ele foi socorrido e encaminhado ao Hospital Samaritano, mas não resistiu aos ferimentos. O funcionário fugiu.

 

O delegado do 77º DP solicitou perícia no local e registrou o caso. O velório começou às 19h deste domingo, no cemitério do Araçá, na capital paulista. O sepultamento será realizado segunda-feira, 28, às 10h, no mesmo cemitério.

 

Atualizado às 21h07

Mais conteúdo sobre:
crime padaria empresário SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.