Energia em Brasília é restabelecida após apagão

O fornecimento de energia em Brasília foi "plenamente restabelecido" nesta terça-feira, após a conclusão de reparos nos cabos de conexão que haviam rompido, informou Furnas, subsidiária da Eletrobras, em comunicado.

REUTERS

06 Março 2012 | 19h12

Às 13h12 ocorreu um rompimento de cabos de conexão de dois circuitos de uma linha de transmissão que liga a subestação Brasília Geral, de Furnas, à subestação Brasília Sul, propriedade da Ceb, distribuidora que atende ao Distrito Federal, informaram Furnas e o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) mais cedo.

A falha, segundo Furnas, causou a interrupção no fornecimento de 169 megawatts e afetou o suprimento à Ceb.

O ONS informou, via assessoria de imprensa, que o restabelecimento da energia foi iniciado imediatamente após o incidente.

As causas do apagão ainda serão apuradas em reunião entre ONS, Furnas e Ceb.

A queda de energia em Brasília afetou inclusive o Sistema de Informações do Banco Central (Sisbacen), segundo a assessoria de imprensa do BC, deixando-o fora do ar por boa parte da tarde.

O Sisbacen é um sistema eletrônico de coleta, armazenagem e troca de informações que liga o BC ao mercado financeiro. Por meio dele, a autoridade monetária informa, entre outros, suas intervenções no mercado de câmbio.

De acordo com a assessoria do BC, com o Sisbacen inoperante, não foi possível realizar os registros das operações de câmbio.

A autoridade monetária não interveio no mercado nesta terça-feira, após nove dias seguidos de atuação, mas poderia tê-lo feito ao telefonar às mesas de operação, afirmou a assessoria da autoridade monetária. Nesse caso, as operações seriam registradas posteriormente.

(Por Fábio Couto; Reportagem adicional de José de Castro, em São Paulo)

Mais conteúdo sobre:
ENERGIA CELPA QUEIROZ*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.