Entre luta contra aids e sessão de fotos

A prevenção da aids é uma das bandeiras da Miss Universo, que costuma fazer palestras sobre o tema

Tatiane Matheus,

08 de dezembro de 2007 | 13h45

Muitos reclamaram quando a bela Riyo Mori, de 20 anos, recebeu a coroa de Miss Universo, em maio, desbancando a brasileira Natália Guimarães, tida como favorita. E não se tratou de mero nacionalismo: a polêmica foi tão global quanto o título. Diziam que Riyo só havia levado a melhor no concurso por ser oriental - a última premiada havia sido Akiko Kojima, no longínquo ano de 1959.  - Por trás do seu olhar- Palavra de expertPicuinhas à parte, é a bela bailarina japonesa quem está viajando o mundo em prol de campanhas humanitárias. A prevenção da aids é uma das bandeiras de Riyo, que costuma fazer palestras sobre o tema. A última ocorreu nas Bahamas , em outubro, e foi relatada com detalhes no blog mantido pela miss. A página também serve para dar notícias, digamos, menos engajadas, como o making of de sessões fotográficas (recebeu o prêmio de mulher do ano, concedido pela Vogue Nippon) e os eventos de que participa mundo afora.  Riyo tem 1,75 metro de altura - as outras medidas não são divulgadas pela organização do concurso - e está prestes a fazer aniversário, na véspera do Natal. Quando seu reinado terminar, ela diz que pretende abrir uma academia de dança no Japão.

Tudo o que sabemos sobre:
Imigração Japonesa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.