Aref Hretani/Reuters
Aref Hretani/Reuters

Enviado para Síria fará reunião com Hillary e Lavrov nesta quinta-feira

Segundo fontes diplomáticas, encontro com Lakhdar Brahimi visa colocar processo de paz da ONU de volta aos trilhos

Reuters

06 Dezembro 2012 | 08h57

MOSCOU - O chanceler russo, Sergei Lavrov, e a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, vão se reunir nesta quinta-feira, 6, com o mediador internacional para a Síria, Lakhdar Brahimi, em Dublin, para tentar colocar o processo de paz da ONU de volta aos trilhos, disseram fontes diplomáticas.

As negociações ocorrem antes de uma reunião do grupo apoiado pelo Ocidente "Amigos da Síria", em Marrakech, na semana que vem, na qual se espera um estímulo à luta dos rebeldes para depor o presidente sírio, Bashar Assad.

"Eles irão falar sobre um plano ou entendimento comum sobre como ir adiante", disse uma fonte sobre a reunião desta quinta-feira, que irá acontecer paralelamente à reunião da Organização de Segurança e Cooperação na Europa.

Uma importante autoridade do Departamento do Estado dos EUA confirmou que a reunião está marcada para esta tarde. Brahimi pediu às potências mundiais para discutirem uma resolução do Conselho de Segurança da ONU, apoiada em um acordo de junho alcançado em Genebra, para estabelecer um governo de transição, em uma tentativa de acabar com o derramamento de sangue.

A Declaração de Genebra, acordada quando Kofi Annan ainda era o mediador internacional para a Síria, pediu por uma administração de transição, mas não especificou que papel, se houvesse um, Assad teria.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.