Escreva uma crítica e concorra ao júri

Até as 23h59 deste domingo você pode se candidatar a fazer parte do júri do Prêmio Paladar - leia como abaixo. Mas prepare-se para ganhar uns quilos, pois passará uma temporada comendo de graça nos melhores restaurantes

O Estado de S.Paulo

15 Setembro 2011 | 01h48

Ainda dá tempo de concorrer a uma vaga no júri do Prêmio Paladar. Mais uma vez, neste ano, os leitores estão sendo convidados a fazer parte do time de jurados que vai eleger os melhores pratos de São Paulo em 2011. Isso significa passar uma temporada provando as preparações concorrentes, com as despesas pagas pelo Paladar, escolher seus preferidos e escrever seus comentários na edição especial sobre o prêmio.

Se animou a participar? O primeiro passo é escrever uma crítica sobre um prato ou um restaurante e postar no seguinte endereço eletrônico: blogs.estadao.com.br/premio-paladar.

Não precisa sair de casa para concorrer, a ideia é escrever sobre um prato que tenha ficado em sua memória ou um lugar sobre o qual você tenha comentários interessantes a fazer. Seu texto tem de ter entre 8 e 10 linhas.

Sua crítica deve ser postada no blog do Prêmio Paladar até as 23h59 do próximo domingo, dia 18 de setembro. Todos os comentários enviados fora do prazo serão desclassificados.

O que vamos avaliar? O apetite e o conhecimento de gastronomia do candidato e como ele é capaz de expressar sua paixão - escrever bem conta, sim, não vamos negar.

Cada candidato poderá mandar um único texto. Não é permitida a participação de profissionais da área de gastronomia ou pessoas que tenham qualquer tipo de envolvimento ou interesse em bares, restaurantes e lanchonetes.

A inclusão de leitores no júri foi testada, pela primeira vez, há dois anos, quando resolvemos convidar o leitor Flávio Siqueira - que costumava postar comentários nos blogs do Paladar - para se juntar ao grupo de gourmets e jornalistas na maratona de provar todos os pratos concorrentes e eleger os melhores.

A experiência com Flávio Siqueira foi tão boa que resolvemos estendê-la. No ano passado, montamos um time de leitores. Selecionamos os textos e depois marcamos entrevistas com os concorrentes.

Resultado, do total de 12 jurados em 2010, seis eram leitores. Sabe quantos pratos eles provaram? Ao todo, foram 47, numa temporada de avaliações que durou 20 dias e exigiu a visita a 37 restaurantes.

No Prêmio Paladar não vale voto de memória: todos os pratos concorrentes têm de ser provados durante a temporada de avaliação. A lista de pratos indicados é feita a partir dos que a equipe do Paladar prova ao longo do ano, entre novidades e clássicos. Os melhores são organizados numa lista prévia, que vai sendo refinada e os pratos distribuídos em categorias, que não são fixas.

Os jurados visitam os restaurantes sem se identificar, pagam a conta como qualquer cliente. Os pratos vencedores e a identidade dos jurados só serão revelados no final da premiação. E então, vai encarar?

Garfos à obra!

Você gosta de comer e quer concorrer a uma vaga de jurado no Prêmio Paladar? Escreva sua crítica no site http://blogs.estadao.com.br/premio-paladar. Corra! O prazo acaba neste domingo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.